O governo proíbe pagamento em efetivo de mais de mil euros nas operações entre profissionais e empresas

Fale Conosco
Vamos Conversar?